Príncipe Eu quero ser seu amante letras

E jamais anoiteça quando eu te beijar Sou o seu amado, seu amante, seu amigo Príncipe encantado o seu sonho mais bonito Sou o seresteiro que cantou de madrugada Te acordou princesa pra ser minha namorada Preciso de um abrigo Deixa eu morar dentro do seu coração Pela amor de Deus meu amor Minha amante e minha paixão É sim, eu preciso te mandar flores Tem que falar de amores Eu quero você Não sei nem pra que, nem por que Mas tem que ser você Quero ser o seu amante, seu amor, o seu amigo Será se você me ama, como seu amante Seu amor, o ... Letra, tradução e música de Prince Charmant de Keen'v 🇧🇷 - Eu não sou seu príncipe encantado, eu quero você só tem um bom tempo / Eu realmente sinto muito, mas eu não sou um sentimento moderno / Eu não sou seu príncipe encantado, eu sou muito melhor como amante / Porque se você acredita em amor eu vou ser o seu medicamento Eu quero ser O teu príncipe encantado Te fazer a cinderela Possuir-te a meia-noite Eu preciso que me açoites Quando eu for o teu cavalo Eu preciso que me guies Pelo teu rumo sem rumo. Eu quero ser Tua amante mais diversa Tua amiga mais incerta Tua Fêmea e teu macho Quero entrar por uma fresta Me instalar na tua vida Te fazer uma perdida Enlouquecer... Ele parecia um bandido talkin 'para seu amante. ... Eu quero ser um príncipe, não um rei ou um guerreiro. Eu quero ter uma luz especial nos olhos. ... Eu quero que o carma quando você toca minha mão. eu vou andar pelas ruas. Conversando com os sem-teto no inverno. Eu quero ser um homem espiritual, sim. ouvi falar de um homem que nasceu no ... Eu quero você Não sei nem pra quer, nem por que Mais tem que ser você Quero ser o seu amante, seu amor, o seu amigo Será se você me ama como seu amante, seu amor, Ou seu amigo preciso De um abrigo deixa eu morar dentro do seu coração Pela amor de Deus meu amor, minha amante e minha paixão É sim, eu preciso te mandar flores

A AMANTE.

2020.07.18 08:30 rafaspbarbie A AMANTE.

Oi genty, povo tudo vocês, Lubisco, gatitas, editores, turma, galero, convidado não por que né QUARENTENA, mds to nervouser. Essa história é a história de como eu virei a amante de um cara. Como é uma história anônima, vou mudar os nomes tudo. Se preparem pois ela é looooonga
Bom, em meados de 2016, tinha voltado a estudar na Tijolinhos (nome fictício de uma escola particular em Brotas-SP) depois de repetir de ano e tal. Lá conheci a Joséfa, que virou minha melhor amiga pra vida (ou não, né?), e desse rolê todo boa parte foi culpa dela (TÔ DE OLHO JOSÉFA). Um lindo dia na escola, tava eu lá, com vontade de fazer pipi, ou só me olhar no espelho pra ver o quão bonitona eu tava, e quando tava descendo eu vi ELE, Pablo, na sua escadinha de técnico de Wi-Fi, skksksksksks ele era lindimais (bom, eu achava né) e daí eu passei por ele, trocamos olhares bem calientes, mas ficou por isso.
Logo de noite ele me adicionou no SNAP, sim, snapchat. E trocamos muita ideia, ele era muito inteligente e a gente combinava em muitos aspectos, tava xonadinha. Depois de uns dias conversando com ele, o mesmo apareceu na escola de novo, E DAÍ QUE COMEÇA A MERDA. Estava sentada com Joséfa e comentei:
Na hora eu mandei mensagem pra ele falando um monte de coisa, que era um absurdo ele namorar e falar comigo daquela forma, insinuando coisas, falando pra gente ficar e tal e que eu seria só amiga dele a partir daquilo, AHAM.
Daí entra a parte importante da Joséfa na história. A doida nada mais nada menos me chamou pra fazer vôlei com ela, e eu fui, tinha dois horários, o das kids e dos adultos, íamos nos dois. Fomos no primeiro horário, e partimos pro segundo logo em seguida. Então tava eu lá, linda e plena mexendo no celular e daí a anta da Joséfa começa a dar risada olhando pra longe, eis que me vem à imagem de quem? PABLO. Ela já sabia que ele fazia vôlei, acho que ela queria ver o circo pegar fogo, MESMO. Ele me cumprimentou todo sem graça, mas sempre trocando olhares comigo do tipo "te quero" e eu me segurando pra não pular nele ali mesmo. A gente continuou conversando normalmente, mas havia um flerte sim, mesmo que muito inocente.
Mais pra frente, decidi chamar ele pra conversar, falar pra ele que eu estava gostando dele de verdade, combinamos de conversar depois do vôlei e ele me daria uma carona até a casa dele. A conversa foi basicamente os dois se olhando na maior vontade, eu falando que gosto dele, ele retribuindo, mas também falei que não faria nada em respeito a namorada, AHAM². Durante a conversa teve troca de carícias, muitos abraços, carinhos e olhos nos olhos. Quando íamos pro estacionamento pegar a moto dele, ele me levou para um canto escuro e tentou me beijar, mas dei um abraço porquê não tava me dando por vencida. Quando subimos na moto, ele me disse que ia passar na casa dele pra pegar o carro pois seria mais confortável pros dois (o que ia ser mais confortável hein, Sr. Pablo?!), mas que não era pra me preocupar pois não teria ninguém em casa... MAS TINHA! A família toda dele tava lá, mãe, padrasto, irmãos.. entrei lá com a maior vergonha, ainda tive que ouvir do irmão "quem é essa menina estranha?" Fui pro QUARTO dele, sentei lá na cama e fiquei um tempo ali absorvendo tudo, enquanto ouvia ele falando com a mãe sobre mim, "apenas uma amiga"... sei (foi exatamente o que a mãe dele disse, não tínhamos muita credibilidade). Fomos pra minha casa e ele tentou me beijar de novo, mas não rolou, ainda achava que não daria o gostinho pra ele.
Continuamos conversando e tendo uma relação bem inocente, e era muito bom, confesso. A gente ainda ia no vôlei, ele me dava caronas, era bem discreto e bom, como aqueles romances dos anos 50 que não havia nem beijo, o sentimento se mostrava em outras demonstrações, no carinho, no toque, nas conversas, nos olhares e era bem assim, me vendo por fora da cena, veria uma garota com cabelos aos ventos sorrindo na garupa de uma moto abraçada em um cara que a fizesse sentir o amor, o vento, borboletas no estômago uma primeira vez.
Eu, Joséfa e Pablo descobrimos que teria uma chuva de meteoros na madrugada de quarta pra quinta, nos animamos muito pra ir, mas no fim iria só eu e ele... era o que eu achava, né? (Só pra constar, não havíamos beijado ainda.) Bom, ele me buscou em casa, fomos pra casa dele buscar cobertores e nisso ele me deu uma camiseta (que eu tenho ate hoje) de unicórnio. Com isso ele me disse que umas pessoas iam junto, fiquei meio assim, mas se não tinha problema pra ele, por que teria pra mim? Só que essas pessoas eram o que? A FAMÍLIA DELE. Primos, tios, tia avó (que aliás, gostou muito de mim) muitos deles achavam que eu era a namorada dele mesmo, pois estávamos muito próximos já. Durante a chuva eu só conseguia olhar pra ele, muitas das vezes ele me fazia olhar pras estrelas (não é atoa que eu o chamo de "Sr. das estrelas"), esperando algum meteoro cair, mas eu não vi nenhum. Enquanto estávamos lá, com a família dele, a gente se acariciava, ele me dava selinhos e eu juro que podia ser só isso pro resto dos meus dias com ele, pra mim estava perfeito. Fomos embora, levamos um dos tios dele pra casa, nisso ele me pergunta se eu queria ir embora já, obviamente disse que não.
Fomos para uma parte onde dava pra olhar bem as estrelas, mas naquele dia eu tava cansada de olhar pra elas. Nós paramos o carro e, naquele momento tudo parecia em câmera lenta, de olhar um para o outro, como tirar o cinto e até na hora do (finalmente) beijo. Sim, naquele momento eu virei A Amante. O beijo foi incrível, tudo se encaixou, foi o melhor beijo da minha vida até hoje, tínhamos química, minha pele se arrepiava só dele me tocar, era tudo como um conto de fadas, só que sem a parte do príncipe encantado.
Eu vivia com ele, vivia na casa dele, assistimos vários filmes, passamos por lugares incríveis, daqueles que faziam a gente suspirar e não querer parar de olhar. Cada vez mais eu me apaixonava, ele me fez sentir coisas que eu nunca senti, me fez ver coisas que eu nunca vi, me fez me maravilhar com as coisas simples, como estrelas. Mas eu sempre ouvia dele que ele sempre era o coitado, de como a Jurema (a tal da namorada) era ruim com ele, das vezes que ela traiu ele, das vezes que ela o tratou mal, mas mal sabia Jurema o que ele fazia também, mal sabia ela o quanto eu me sentia mal por isso. Sempre coloquei na minha cabeça que não tinha motivos para trair, mas que eu me conformei com a situação, achei que, dessa vez, tava tudo bem, até porquê eu tinha ele, né?
Como o tempo, tudo se passava, ele me fazia promessas, me prometia terminar com Jurema, que seríamos felizes, ja estava enjoada de ser rotulada como A Amante, não só por mim, mas por ele, por Joséfa também (que passou vários momentos de vela entre eu e Pablo). Numa dessas fui até na casa da avó dele, joguei truco com sua família, beijei ele na frente deles, (um deles lembra de mim até hoje, fala comigo como se eu fosse a ex oficial dele kkkk). Numa outra saímos com um dos seus amigos, nesse dia descobri que a nossa música era aquela lá, a tal da Cataflor do Tiago Iorc, aquela que toda vez que ouço lembro do dia em que eu ouvi pela primeira vez. Esse tal dia estávamos eu e Pablo em sua casa quando ele recebe uma ligação do seu amigo falando que ele queria vê-lo, Pablo falou que estava com uma "amiga" e esse amigo, o Gerson, disse que tudo bem eu ir junto. Entramos no carro, cumprimentei ele, e logo ligamos o som do carro ouvindo Tiago Iorc num tom bem doce, todos cantando e, no momento que esta começou a tocar, ele segurou a minha mão e disse:
-Ok.
Nisso começa a letra, não era atoa que eu me apaixonei, um cara que disse que me daria todas as flores no mundo mas que nenhuma delas chegava a ter a beleza que eu tinha, que a natureza tentou imitar 'tamanha' beleza mas que falhou, pois não tinha como ter algo tão bonito quanto. Como eu não me apaixonaria? Eu também não sei responder essa.
Logo após um tempo, comecei a cobrar o término dele e ele sempre me dizia que era muito difícil, pois era um relacionamento muito longo (3 anos). Pois bem, um mês depois disso ele terminou, viajou pra cidade dos primos dele, foi em várias festas, beijou várias meninas e depois que voltou, me buscou em casa, fomos pra um dos "nossos" lugares, ele sentou comigo e me contou tudo, das meninas, de quem ele teria ficado, como que ele estava amando ser solteiro e tudo mais. A ficha não tinha caído, ele realmente estava solteiro, não devia mais nada à ex, mas ao mesmo tempo parecia que ele não devia nada à mim também, que o cara que falava aquelas coisas, me fazia sentir aquelas coisas e falava que era apaixonado por mim havia sumido junto com o término dele. E. ISSO. DOEU. MUITO. Ficamos naquele dia, mas eu fiquei extremamente desconfortável, cheguei em casa e chorei por horas, do tipo "será que aquele cara nunca existiu?". Nos afastamos cada vez mais, e cada dia que passava a única oportunidade de ver ele, eu não via.
Teve uma festa, a Semáforo, foram todos meus amigos, me diverti pra caralho, dancei por bosta e por fim, ele estava lá, fiquei com ele várias vezes, fiquei com a Joséfa também (pela primeira vez), demos um beijo triplo, ficamos por maior tempão juntos, até subi no colo dele quando ele tava deitado no sofá kkkk, hoje em dia isso é de boas, mas na época muita gente me julgou. Depois disso nos afastamos de vez.
Umas semanas depois, estava na aula de artes, (na qual a professora era madrasta do Pablo) quando a professora diz:
Olhei pra Joséfa na hora e fiquei muda, aquilo partiu mais ainda meu coraçãozinho. Mas o que não era pra ser, não ia ser, não é?
Bom, gente, essa foi a minha história. O Pablo continua com a Múmia, mas não adianta ter uma aliança no dedo DE NOVO, e ainda olhar pra mim com a mesma cara de apaixonado de antes, vir me seguir nas redes e ainda dar em cima de mim, TÁ PABLO??? VÊ SE APRENDE A RESPEITAR A SUA MULHER, BEIJOS.
Um beijo no core de vocês, espero que tenham gostado, xau.
submitted by rafaspbarbie to TurmaFeira [link] [comments]


Lucas Lucco - Príncipe ♔♪ Stefan e Caroline - Príncipe Lucas Lucco Thiago Matheus - O Amante (letra) Eu Quero Ver o Seu Milagre  LETRA  Damares - YouTube eu quero ser seu namorado/Video com letra Principe - Lucas Lucco (Cover Gustavo Galan) Lucas lucco/ Príncipe (Video Clipe: Frank Souza) Lucas Lucco - Príncipe (letra)

Amado, Amante, Amigo Amado Batista - LETRAS

  1. Lucas Lucco - Príncipe ♔♪
  2. Stefan e Caroline - Príncipe Lucas Lucco
  3. Thiago Matheus - O Amante (letra)
  4. Eu Quero Ver o Seu Milagre LETRA Damares - YouTube
  5. eu quero ser seu namorado/Video com letra
  6. Principe - Lucas Lucco (Cover Gustavo Galan)
  7. Lucas lucco/ Príncipe (Video Clipe: Frank Souza)
  8. Lucas Lucco - Príncipe (letra)

Eu quero ser seu príncipe perfeito Se não for eu dou um jeito Você sabe, eu sempre dou um jeito Série : The Vampire Diaries Casal: Caroline e Stefan Música : Principe Cantor:Lucas Lucco Se ... Eu já me cansei de ser só seu amante ... Eu não quero ser só seu amante. Category ... Seu Zé (LETRA) OFICIAL - Duration: 3:11. Lyrics J12 24,572 views. #Damares #EuQueroVerOSeuMilagre #UmNovoVencedor #OMaiorTrofeu #NaMesadoRei Eu quero ser seu príncipe perfeito Se não for eu dou um jeito Você sabe, eu sempre dou um jeito ... Príncipe (letra) YouTube; Jorge e Mateus - Pergunta Boba (Lançamento 2016) - Duration: 3:50. Mais uma música minha pra vocês! ♥ Se gostou deixe seu Like e se Inscreva no Canal para receber todas minhas músicas ♥ Músicas novas toda semana!! ♥ Redes ... Eu quero ser Seu príncipe perfeito Se não for, eu dou um jeito Você sabe, eu sempre dou um jeito ... Séries & Letras 1,384,248 views. 4:03. Lucas Lucco - Saudade Idiota (Musica Nova 2014 ... Só ser feliz Eu quero ser seu príncipe encantado Seu eterno namorado Te acordar com um beijo meu ... Lucas Lucco - Príncipe (com letra) - Duration: 3:51. Jacyara Gomes 4,559,137 views. Musica: Príncipe ♪ Cantor: Lucas Lucco Editor: Marcos Paulo Filme: Como eu era antes de Você LETRA: E aí? Olá Você me esperava, né? Prazer, sou seu príncipe Cheio de defeitos Infelizmente ...